Polícia apreende em Luanda mais de 20 armas de fogo em três dias

0
817

O Comando de Luanda da Polícia Nacional apreendeu, nos últimos três dias, durante a segunda fase da ?Operação Tigre? 26 armas de fogo nos municípios do Kilamba-Kiaxi, Luanda, Viana e Cacuaco.

De acordo com um comunicado do Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa da delegação provincial do Ministério do Interior (Minint) as forças da ordem detiveram 264 supostos criminosos acusados da prática de crimes diversos.

Foram ainda apreendidos vários utensílios de uso doméstico e cabos eléctricos em quantidades não reveladas que foram retirados do complexo Desportivo da Cidadela.

Do balanço da operação consta, igualmente, a detenção de 49 automobilistas detectados a conduzir sob efeito de álcool.

A polícia deteve ainda dois automobilistas por desobediência, um por tentativa de suborno aos agentes da autoridade e outro por uso de documentos falsos.

No domínio da segurança rodoviária, registaram-se 22 acidentes de viação, que causaram cinco mortos, 17 feridos e danos materiais avaliados em 13 milhões de kwanzas.

Das medidas policiais, lê-se na nota, foram aplicadas 504 multas enquanto o serviço de emergências recebeu 392 solicitações de intervenção policial e foram apreendidas oito viaturas e igual número de motorizadas.

A operação policial denominada Tigre teve inicio a aproximadamente 15 dias e visa manter a ordem e tranquilidade pública nos bairros considerados, pela corporação, como os mais críticos da capital angolana.

No decorrer da operação foram já desmantelados dezenas de grupos e detidos centenas de cidadãos, apreendidas armas de fogo e brancas, drogas, utensílios domésticos, viaturas, motorizadas e artigos diversos.

Fonte: Angop

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here