Yola Semedo acarinha crianças na tenda do Kilamba

0
400

Em dia especial, uma visita especial, a diva e notável cantora Yola Semedo, visitou, hoje, mais de 500 crianças que estiveram na Tenda do Kilamba em alusão ao dia internacional da criança.

No âmbito do projecto solidário que a artista abraçou, Yola Semedo doou hoje mais de 500 cestas básicas arrecadadas durante um live solidário transmitido pela TPA, as cestas foram entregues nas comunidades do bita e vila flor. Com esta visita, a diva abraça também a iniciativa dos moradores do Kilamba em conjunto com a Administração do Distrito Urbano do Kilamba que criaram a cozinha solidária, tirando das ruas e dos contentores desta urbe milhares de adultos e crianças, proporcionando-as três refeições por dia.

“Esta é uma inicitiva louvável e nós vamos continuar a apoiar, a administração deste Distrito está a fazer um grande trabalho e apelamos as pessoas que continuem com esta onda solidária” avançou a artista.

O músico Nagrelha também já fez a sua parte, cozinhando e alimentando muitas crianças na mesma tenda, todo este movimento solidário, só é possível, porque os moradores estão sensíveis a esta causa e como não podia deixar de ser a Administração do distrito urbano do kilamba também preocupada com a situação de vulnerabilidade das crianças e adultos nos contentores da cidade, organizou o espaço onde nele concentra diariamente mais de 600 crianças.


Nesta tenda, as crianças têm direito ao pequeno-almoço, almoço e lanche. Além de lhes ser proporcionado o momento lúdico, onde aprendem a entoar o Hino Nacional, dança e muito mais.
As crianças receberam também, hoje, 1 de Junho, pipocas, amor e carinho das mais de 50 voluntárias que trabalha para este projecto de solidariedade onde a inclusão de moradores e ONG’s é um facto.

A organização da cozinha solidária, apela a todos os moradores que tenham vontade de ajudar estas pessoas carenciadas, que se juntem a esta iniciativa e quando forem interpeladas pelas crianças e senhoras, indiquem-nas a tenda que estaremos aqui, sempre disponíveis a dar de comer estas pessoas com o pouco que conseguimos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here