Cidadã morta por ter recusado entregar código do multicaixa

0
948

Uma cidadã angolana, de 22 anos, foi assassinada segunda-feira, no município do Cazenga, em Luanda, com um disparo de arma de fogo por desconhecidos, por se ter recusado a entregar o código do multicaixa express durante um assalto.

O facto ocorreu à 1h30m da madrugada no interior da residência em que vivia no bairro São Pedro, rua de São Jorge.

Em declarações hoje, terça-feira, à ANGOP o porta-voz do Comando Provincial da Polícia Nacional, Nestor Goubel, disse que o crime foi praticado por 10 elementos munidos com armas de fogo, não identificados e em fuga.

“Na altura,  a vítima dormia com o marido na residência destes e foram surpreendidos pelos meliantes com o rompimento da porta principal de casa e chamaram pelo esposo comerciante da Guiné Conacri “, explicou.

Os marginais solicitaram ao comerciante as chaves do seu armazém, que está situado no município de Kilamba Kiaxi, o telefone e o código do multicaixa express.

Segundo Nestor Goubel, o comerciante disse que o código do  multicaixa express  estava em posse da esposa, mas esta não aceitou digitar o código e acabou por ser atingida com um disparo na região temporal, tendo sucumbido no local

Fonte: ANGOP

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui