Arranja-se de um lado e “rebenta” do outro

0
423

A Unidade Técnica de Gestão de Saneamento de Luanda, com o apoio da Brigada Ambiental da Administração do Distrito Urbano do Kilamba, não têm cruzado os braços nos trabalhos de remoção dos transbordos de águas residuais na centralidade do Kilamba que continuam a decorrer a bom ritmo.

Mas surgiu uma nova dor de cabeça, no entroncamento da última saída da centralidade do Kilamba, junto ao quarteirão A, na última madrugada aconteceu um transbordo de águas residuais de um coletor que fez relembrar um problema que já abrigou esta zona a dois anos atrás. As águas com cheiro nauseabundo correm pelo asfalto, um verdadeiro atento a saúde pública, mas prontamente já está uma equipa da UTGSL no local para dar solucionar a situação.

A Unidade Técnica de Gestão de Saneamento de Luanda (UTGSL) com o apoio da Brigada Ambiental da Administração do Kilamba estão a realizar uma operação “by-pass” na Avenida Pedalé (quarteirão S) da centralidade do Kilamba. A acção visa resolver problemas no sistema de saneamento, redirecionando temporariamente o fluxo de águas residuais para permitir a resolução definitiva da obstrução, sem interromper o normal circuito das águas residuais na rede de saneamento.

info@kilambanews.com

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui