Angola regista terceira morte de covid-19 e está perto do contágio comunitário

0
1580

Angola registou, nas últimas 24 horas, a terceira morte por covid-19, anunciou nesta segunda-feira o secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda, e pelo histórico do falecido, arriscamos a dizer que estamos próximo da transmissão comunitária.

O terceiro óbito por covid-19 no país, trata-se de um idoso de 82 anos de idade que regressou ao país em Fevereiro, proveniente de Portugal, numa altura em que aquele país europeu não registava casos da pandemia.

O cidadão em causa tinha outras doenças associadas, como doença pulmonar crónica, e as autoridades estão a investigar para aferir se este é o primeiro caso de contaminação comunitária em Angola.

Além do paciente morto, Franco Mufinda anunciou o registo de mais um caso positivo, envolvendo uma enfermeira de 25 anos de idade, que trabalhava num dos centros privados de tratamento da covid-19.

Com estes dois, aumentam para 50 o número de casos positivos, com três óbitos,  17 recuperados e 30 activos (clinicamente estáveis).

Na actividade laboratorial, Franco Mufinda, que fazia a habitual actualização de dados, destacou o processamento, em todo o país, de seis mil e 605 amostras.

Em quarentena institucional, indicou, estão mil e 214 pessoas, com um registo de nove altas, sendo seis em Cabinda, uma no Cuando Cubango e duas na Lunda Norte.

Dos infectados, 22 são casos de transmissão local.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui