NDAKA YO WIÑI FALA SOBRE PATRIMÓNIO MUSICAL NA MEDIATECA

0
1657

O músico e pesquisador cultural, Ndaka Yo Wiñi, dissertará sobre “Música como património de um povo”, às 10 horas, do próximo dia 20 de Julho, na Mediateca de Luanda, sob a égide da Queta Comunicação, em parceria da referida instituição, tendo o apoio da Ombenje, entidade que responde pelo artista.

A palestra será gratuita.

Inserida no projecto “Minha identidade”, a Queta Comunicação pretende dar o seu contributo à sociedade, organizando palestras com artistas que dominam certas áreasdas artes. “Essa primeira actividade tem como objectivo levar ao conhecimento dos mais jovens a importância de se conhecer a cultura angolana, concretamente o valor cultural que a música ancestral possui”, explica o responsável, Olívio dos Santos.

Acrescenta ainda que é no homem que se fundamenta toda a transmissão do conhecimento e as vivências com os demais elementos existenciais. Para concluir, Dos Santos afirma que o acervo cultaral angolano, em particular, foi conservado e transmitido pelas instituições familiares, pelos ritos de iniciação, pela música e pela língua; pode-se dizer que um dos elementos mais fortes é a oralidade, o poder da palavra.
Ndaka Yo Wiñi, nome artistico de Adriano Dokas, nasceu no dia 5 de Janeiro de 1981,no Lobito, Benguela.

Os primeiros passos no mundo da música foram dados em Cabinda, antes de qualquer outra experiência profissional. Ndaka Yo Wiñi, nome adoptado pela carga familiar e emocional que o mesmo transporta, hoje é uma referência continental do AfroJazz.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui