SIC detem burladora de 200 milhões de kwanzas no Kilamba

0
507

Responsável da agência de viagens “Palmeira” detida por burlar mais de 200 milhões de kwanzas a mais de 400 passageiros.


Leonilde Cristóvão, foi detida na Centralidade do Kilamba, em Luanda. O Serviço de Investigação Criminal SIC, havia recebido várias denúncias que ajudaram a localizar a cidadã angolana de 34 anos, dona da empresa Palmeiras Viagem e tinha um escritório nas instalações do Aeroporto 04 de Fevereiro.

Vendeu bilhetes de viagem para várias pessoas que pretendiam se deslocar para diferentes cantos deste mundo imenso.

Até ai tudo b

Mas, no dia 13 de julho o Radar 2.7 foi accionado e, prontamente, fomos ao local para sabermos o que se passava de concreto.

Na verdade, 400 pessoas estavam impedidas de viajar pela TAAG por não terem seus bilhetes registados no sistema.

E, da noite para o dia, a empresa que vendeu bilhetes ja nao estava lá e os contactos telefónicos não passavam. O pessoal entrou numa tristeza profunda.

O SIC foi accionado.

Ouvindo a TAAG _ a transportadora angolana disse nao ter qualquer ligação com o referido assunto. A coisa ficou mais difícil.

Volvidas 3 semanas, eis que a burladora foi localizada e será ja entregue ao Ministério Público (Juíz de garantia) para os próximos trâmites.

Leonilde é acusada de burlar cerca de 200 milhões de kzs a 400 pessoas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui