Alunos pedem anulação do aumento de propinas

0
2235

A Associação dos Estudantes de Universidades Privadas de Angola (UEPA) promove uma campanha para recolher assinaturas de forma a solicitar, junto do Presidente da República, a revogação do Decreto Executivo conjunto nº 420/21, de 14 de Setembro, que autoriza o reajuste das propinas e emolumentos nas instituições de ensino geral na ordem de 15 por cento e de 25 para as instituições de ensino superior.

O presidente da UEPA, Joaquim Caihombo, disse, ontem, à Rádio Nacional, que os estudantes acreditam que o Presidente irá revogar o Decreto, que ameaça o  sonho de se formar.

“A vida económico e social das famílias não está em condições para suportar o aumento de mais 25 por cento no ensino superior e 15 no ensino geral”, disse.

    Acrescentou que perto de dois mil estudantes já subscreveram a petição via Internet e que muitos poderão não aparecer nas universidades, se nada for feito em prol da revogação dos novos preços.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui