“Nunca passeio com a Família no Kilamba”

0

Kakau Rangel, como é mais conhecida na comunidade virtual  da centralidade. Por ser uma das mentoras da página no facebook “Moradores do Kilamba que tem mais de 20 mil seguidores, considera-se uma jovem sem sonhos. Tem objectivos e luta para os atingir.

Auto exigente por natureza. Seja no campo profissional ou no pessoal.

Fui criada e educada por uma Mulher Independente, fez com que eu olhasse para o mundo de cabeça erguida e para os homens de tu para tu. “Sou uma pessoa competitiva e ambiciosa, quando falo em ser ambiciosa, refiro-me a lutar para auferir cada vez mais e melhor, por e com mérito”.

“Como toda gente, tenho milhares de defeitos o pior é teimosia, entretanto, considero-me uma pessoa JUSTA e bastante Humana (dizem os que me rodeiam, risos”.

Minha prioridade é Deus, logo a seguir o maior bem que ELE deu-me: Minha Família. Sou bastante Família. Do tipo que cuida de todos: Mãe, Marido, Irmãos, Filho e sobrinho. Não me diria simples (Simpática), mas após conquista, é um amor que não acaba mais.

Há quanto tempo reside no Kilamba?30-07-17_Perfil da Semana_KN_-02

Há 4 anos

Onde viveu antes?

Bairro Cassenda

As condições sociais do Kilamba, melhoraram  o seu rendimento profissional?

Não. Pelo contrário.

Qual é seu Hobby?

Ver Futebol

Prática desporto no Kilamba?

Sim. Faço caminhadas diariamente.

Aos fins de semana qual é o melhor local para passear com a família no Kilamba?

Nunca passeio com a Família no Kilamba. Acho um tanto perigoso, até caminhar nos passeios com o meu Filho.

Qual é o melhor restaurante da Centralidade?

Paparazzo (B10)

A rotina de vida do KIlamba torna  às famílias desunidas?

Generalizando, sim.

Se fosse administrador do KIlamba o que faria de melhor para cidade?

Trabalharia na consciencialização da ideia de que, o Kilamba é de todos nós e por isso, devemos todos cuidar dele.

Trabalharia com associações, distribuindo tarefas e responsabilidades aos moradores.

Acredito piamente que falta na nossa sociedade RESPONSABILIDADE. Se criássemos associações para diversas áreas, seria mais fácil gerir.

Share.

Leave A Reply