Retrospectiva 2017

0

Estamos nos últimos dias do ano, e 2017 foi um ano dominado por algumas alterações no paradigma político e social angolano. E com certeza que muitos dos nossos leitores gostariam de lembrar-se de alguns assuntos que ‘aqueceram’ o ano.

O KilambaNews reuniu as notícias de maior impacto durante o ano de 2017:

No dia 23 de Janeiro, o Governador de Luanda, na altura o general Higino Carneiro, exarou trinta e cinco despachos, sendo 8 exonerações e 27 nomeações.
Joaquim Israel Baltazar de Oliveira, foi exonerado do cargo de Presidente da Cidade do Kilamba e no seu lugar foi nomeado João Baptista Domingos, que ocupa o cargo até os dias actuais.

No 2° mês do ano, todos os clientes da Empresa Nacional de Distribuição de Energia Eléctrica (ENDE) foram surpreendidos com o anúncio do Presidente do Conselho de Administração , Francisco Talino, de que teriam de pagar uma taxa de lixo que ficou estipulada em 2500kzs para zonas urbanas e 1500kzs para as sub-urbanas.

Devido ao agravamento da crise financeira e económica vários impostos foram implementados e o I.P.U (Imposto Predial Urbano) surpreendeu mais uma vez os moradores da centralidade.

O Posto Fiscal do Kilamba registou no dia 31 de março uma grande enchente, último dia estabelecido pela Administração Geral Tributária (AGT) para que os cidadãos residentes em edifícios pagassem o I.P.U.

O INEA (Instituto Nacional de Estradas de Angola) anunciou no dia 07 de Abril a interdição parcial da Via- expressa Comandante Fidel de Castro.

A paralisação que durou 8 meses, deveu-se a manutenção da via, propriamente na reparação e aplicação de um novo tapete asfáltico, sinalização horizontal e vertical e reposição de postes de iluminação pública.

Em maio foi anunciado a segunda fase de construção da Centralidade do Kilamba, que será construída numa área de 720 hectares pela empresa chinesa Citic.

Orçada em 607 milhões de dólares norte-americanos, a segunda fase está projectada para dez mil fogos habitacionais. O projecto que será erguido em 28 meses pretende albergar mais de 60 mil pessoas.

O mês de Julho também esteve recheado de situações, tanto que foi descoberta uma nova técnica de assalto implementada pelos donos do alheio na na centralidade.

Segundo o relato de uma vítima, foram surpreendidos durante a madrugada pelos meliantes que entraram pelo terraço e tiveram acesso as lavandarias dos moradores.

“Graças a Deus eu não acordei para me deparar com eles porque eu não sei do que seriam capazes (…)”, Desabafou.

No dia 6 de Julho, a empresa Imogestin disponibilizou o portal para os processos de candidaturas das casas nos projectos habitacionais do KM44 e Capari. Mas após 30minutos da abertura, o portal já havia atingido o número máximo de candidaturas, o que demonstrou o desespero dos cidadãos em adquirir a casa própria.

Após uma acirrada campanha eleitoral, e com o general João Lourenço a disputar a presidência pelo MPLA, realizou-se a 23 de Agosto as Eleições Gerais. E segundo os dados definitivos da Comissão Nacional Eleitoral (CNE), o MPLA obteve o primeiro lugar com 61,07% dos votos válidos, a UNITA de Isaías Samakuva teve 26,67% e
a Convergência Ampla de Salvação de Angola-Coligação Eleitoral (CASA-CE) surgiu em terceiro lugar, com 9,44% dos votos.

Ainda no mês de Agosto também foi inaugurado o viaduto do Kilamba que faz parte do Programa de Intervenções Viárias dos Acessos ao Novo Aeroporto Internacional de Luanda (NAIL).
A obra que teve a duração de seis meses, veio melhorar significativamente o trânsito na via expressa e para além de minimizar o tempo de deslocação dos moradores da Centralidade.

Em Outubro, uma notícia chocou os moradores do Kilamba, segundo a Rádio Mais, uma cidadã não identificada, abandonou na manhã do dia 20 de Outubro, no quarteirão W, um feto do sexo femenino aparentemente com seis meses no contentor de Lixo na centralidade do Kilamba.

Segundo Aurora de Olivera, moradora da centralidade que testemunhou o facto à estação de rádio, a cidadã que abandonou o feto fazia-se transportar numa viatura de marca Hyundai Accent aparentava estar grávida vestida de uma bata jeans azul, e tirou da viatura um saco azul e branco e encaminhou-se até ao contentor do lixo onde esperar as pessoas passarem para abandonar o recém nascido.

A 25 de Novembro, o Portal de Notícias fez história ao realizar o primeiro grande concurso entre os restaurantes do Kilamba, o “Grande Pitéu”. O evento que contou com a presença do Administrador do Distrito Urbano do Kilamba, João Baptista Domingos, elegeu o J-Grill como o melhor restaurante do Kilamba, e a Marisqueira do Kilamba e o FriaGrop como segundo e terceiro classificado, respectivamente.

E o dia que também foi histórico para todos os angolanos foi 26 de Dezembro, quando o satélite Angosat1 foi lançado a partir do porto espacial de Baikonur no Cazaquistão. O evento foi transmitido em directo pela Televisão Pública de Angola e foi até comemorado com fogos de artifício.
Após o lançamento, o centro de controlo perdeu o contacto com o satélite que segundo os especialistas, um dos painéis solares não abriu a tempo o que não permitia enviar telemetria para a terra, mas o sinal já foi restabelecido.

Paulo Afonso – Repórter
info@kilambanews.com

Share.

Leave A Reply