Rádio 2000 despede jornalista que entrevistou Presidente da República

0

O jornalista da Rádio 2000, Tony Fanacy Manuel, foi expulso por ter revelado ao Presidente da República, João Lourenço, o mísero salário que aufere (25 mil kwanzas).

Outras na cidade do Lubango, , contam que o jornalista foi expulso por não ter sido “autorizado pela direcção da rádio para vir a Luanda, na entrevista colectiva.” E acrescenta que a expulsão também foi influenciada pelo governador local, pelo facto de Tony Manuel, ter lamentado o estado crítico da província.

Apesar do jornalista ainda não se pronunciar, muitos jornalistas já mostraram o descontentamento, alguns ameaçam mesmo realizar manifestações na Huíla e Luanda.

Ontem, durante o programa Debate Livre, o sociólogo João Paulo Ganga, disse que João Lourenço mostrou-se “insensibilidade” perante a reivindicação do jornalista.

Fonte: Angola Online

Share.

Leave A Reply