Centralidade já habitada

0

Os primeiros moradores da centralidade da Praia Amélia, três quilómetros da sede do Município sede de Moçamedes, província do Namibe, receberam hoje quinta, as chaves das suas residências das mãos do Presidente da Republica, João Lourenço.

A referida centralidade com duas mil casas entre apartamentos do Tipo T3,T2 e vivendas geminadas e isoladas , conta ainda com infra-estruturas sociais como escolas, centros infantis, centro de saúde e campos desportivos.

Numa primeira fase serão entregues apenas 530 habitações a população interessada a viver nesta centralidade, sendo na sua maioria jovens com idade até 35 anos .

A ministra do Ordenamento do Território e Habitação, Ana Paula de Carvalho, afirmou que a centralidade possui espaços para construção de outros equipamentos sociais, tendo garantido qualidade aceitável das residências construídas e que vão de encontro com os preços estipulados.

O responsável da empresa imobiliária Imogestim, Rui Cruz, garantiu que o prazo de pagamento das mesmas foi dilatado de 20 para 30 anos.

Disse que a medida é extensiva as restantes províncias onde há maior dificuldades devido a redução do poder de compras.

Explica que em função de cada residência os pagamentos mensais serão de 38 mil kwanzas para apartamentos e 45 mil para vivendas geminadas.

Adelaide Perreira, uma das beneficiárias, considera concretizado o sonho da saca, referindo que há muito anos procurava um sítio condigno para viver com a família.

José Pedro, jovem que também foi contemplado com uma residência,disse que a satisfação é enorme , pois hoje tudo esta concretizado”.

Fonte: Angop

Share.

Leave A Reply