Homem morre na esquadra do comando de Viana

0
1712

Um homem de 32 anos de idade, que se encontrava detido numa das celas da esquadra do comando municipal de Viana da Polícia Nacional, em Luanda, foi encontrado morto, na noite de quarta-feira (20 horas), presumivelmente vítima de doença.

De acordo com um comunicado de imprensa do comando provincial da Polícia Nacional que a Angop teve hoje, quinta-feira, acesso, o homem encontrava-se detido há 72 horas acusado do crime de homicídio voluntário por espancamento.

Pedreiro de profissão, o homem residia no município de Viana e, segundo a nota, praticou o crime em co-autoria de outros três cidadãos de 25, 27 e 36 anos de idade.

Os detidos, realça o documento, são suspeitos de terem agredido até a morte um cidadão de 30 anos de idade, acusado de ter furtado uma botija de gás butano da cozinha de um deles.

“Face ao sucedido, os familiares do homem acusado do furto em resposta agrediram fisicamente os quatro suspeitos do homicídio, tendo de seguida os conduzido ao comando municipal da Polícia Nacional”, refere o documento.

Por outro lado, nas últimas 24 horas, a acção policial, em Luanda, resultou na detenção de 57 pessoas suspeitas de terem praticado diversos crimes.

Dos detidos destacam-se dez por desobediência aos agentes da ordem, dois por condução em estado de embriagues, igual número por posse ilegal de arma de fogo, comercialização e posse de liamba e falsa identidade.

As forças da ordem apreenderam duas armas de fogo, vários utensílios domésticos, artefactos utilizados para o cometimento de crimes e uma viatura.

No domínio de segurança rodoviária, a polícia registou quatro acidentes de viação com danos matérias avaliados em um milhão de kwanzas e aplicou 266 multas por várias infracções ao Código de Estrada.

Fonte: Angop

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here